26 julho 2009

A longa e dolorida caminhada

Para quem nos acompanhou no período de tratamento e torceu por nós, peço
desculpas por não deixar mais informaçoes do que aconteceu após esse período.

Não foi fácil superar a tristeza, mas superar as decepções que vieram depois foi ainda mais difícil, por isso não escrevi por esses quase 5 meses pois não conseguia falar dos problemas, o que é um grande defeito meu, me calo diante das situações desconfortáveis que enfrento, porém agora estou conseguindo entender um pouco mais tudo que aconteceu.
Em resumo, parece que nós (eu e meu esposo) nos precipitamos um pouco com relação ao tratamento e aí diante do oportunismo, fomos tentados a iniciar o tratamento do fim para o começo....pois é....essa possibilidade tem me incomodado um bocado.
No nosso caso o que nos direcionou para a FIV foi o diagnóstico de varicocele do meu esposo, que nos espermogramas apresentava baixa quantidade de espermatozóides e desses, poucos apresentavam boa qualidade (mobilidade e motilidade). Mas depois de uma tentativa frustrada de inseminação no ano passado e uma tentativa frustrada de FIV em fevereiro desse ano, resolvemos consultar um urologista em Campinas, o qual nos abriu os olhos dizendo que o tratamento para meu esposo pode ser apenas medicamentoso. Enfim, no dia 13/08 teremos um parecer mais concreto pois levaremos o exame que foi feito para esse médico e ele nos dirá como deveremos proceder.
O que fica agora é a sensação de termos sido "enganados" aqui na nossa cidade pois todos os médicos aos quais estávamos envolvidos, TODOS (ginecologistas e urologistas) são ligados a CRH que foi recentemente inaugurada aqui na nossa cidade.
Mas pessoal, estou mais tranquila e se o tratamento for mesmo medicamentoso, vocês sabem muito bem disso, tudo será mais simples. Mas vamos esperar, muita água vai rolar embaixo da ponte. Enquanto isso vou me divertindo com a gravidez de vocês e acompanhando a história de cada uma. Aliás a minha amiga Eloise desejo tudo de bom e que Deus a acompanhe sempre e que a carregue no colo durante a sua gestação que teve um caminho árduo até acontecer. Beijos Elô!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!PARABÉNS!!!!!!!!!!
Logo trago notícias

Beijos à todos

3 comentários:

Eloise disse...

Linda é isso ai, vç tem que reagir...eu sei que vai dar tudo certo, Deus fecha uma porta pra abrir outra melhor, confie...
Obrigada pelo seu carinho
Bjs
Eloise

A VIDA DE UMA TREINANTE. disse...

Olá querida, encontrei vc no blog da minha amiga Eloise e agora tbm estarei juntinho de ti.

Li o q te aconteceu...eu tbm já fiz 1 fiv (2007) e não tive resultados. Mas estou vendo pra fazer novamente...e pedindo muito à Deus pra q td de certo.

É horrível qdo vemos algo dar errado, mas não podemos desanimar....somos fortes e vamos conseguir!!!

Beijos e bom fds!

Margarida na Janela disse...

Oi Viviane, tbm sou amiga da Eloise, fiquei muito contente com a notícia dos bebês dela, ela comentou no blog dela sobre vc e vim te conhecer, tbm estou tentando (já vão fazer 2 anos) e sei que o caminho é muito difícil e que encontramos pessoas oportunistas pelo caminho, é desanimador, mas precisamos recomeçar a esquecer os erros, o que é chato, mas acontece quando somos novatos no assunto. Estou torcendo por vcs, vamos confiar em Deus, Ele sabe o que é melhor pra gente, mesmo que nem sempre consigamos entender os seus caminhos. Bjs e sempre que precisar conversar estou a postos!

Postar um comentário

Deixe sua mensagem, ficarei muito feliz com seu carinho.